Manaus, 18 de outubro de 2017   Contato        
 
 

 
 
 

COMUNICADO SOBRE O EVENTO DE MANAUS

Atualizado em: 02/10/2011 13:41

COMUNICADO IMPORTANTE SOBRE AS FESTIVIDADES DOS 80 ANOS

 

Manaus, 26 de setembro de 2011.

 

Aos nossos associados.

 

É com muita alegria que comunicamos a todos que dia 21/09/2011 foi aprovado na ALE-AM o projeto de lei número 183,  que reconhece a juta como um ciclo econômico do Estado do Amazonas e oficializa um pedido de desculpa ao tratamento inadequado dado aos Koutakuseis durante a Segunda Guerra Mundial. O artigo segundo, na íntegra, consta:

 “Fica reconhecido o ciclo da juta como ciclo de desenvolvimento do Estado do Amazonas, tornando obrigatória a utilização de obras regionais em seu estudo no currículo escolar dos cursos integrantes do sistema estadual de ensino, observada a adequada extensão e profundidade de seu conteúdo programático.”

O artigo terceiro, na íntegra, consta:

“Em pleito de perene gratidão, esta lei consigna o pedido formal de desculpas aos briosos koutakuseis e dependentes, pelos excessos aos quais foram injustamente submetidos durante a Segunda Guerra Mundial, enquanto trabalhavam pelo Brasil em solo amazonense.”

 

Essas duas coisas eram o grande sonho de nossos pais que queriam que o Estado do Amazonas reconhecesse a importância do trabalho que eles desenvolveram. E o outro, talvez o mais importante para eles, era que o Estado, que deu a eles um tratamento de inimigo e espiões durante a Segunda Guerra, reconhecesse que estava errado e se desculpasse. Essa estigma de espiões e traidores durante a guerra marcou-os profundamente pois manchou suas honras, honras essas milenarmente recebidas de seus antepassados, pelas quais seriam capazes de dar as suas vidas.

Assim essa lei, que será assinado na Sessão Especial da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (ALE-AM) no dia 25 de outubro, durante as comemorações dos 80 Anos dos Koutakuseis no Amazonas é um marco histórico para todos os Koutakuseis e seus descendentes, pois, se fará justiça por todo o trabalho e sofrimento que nossos pais passaram. É o momento que todos nós, descendentes dos Koutakuseis, de qualquer geração, devemos a esses verdadeiros heróis.

A diretoria agradece, penhoradamente, ao nobre Deputado Estadual Tony Medeiros, parintinense que conhece bem a história dos Koutakuseis e reconhece a importância da sua história para o município de  Parintins, para o Estado do Amazonas e para o Brasil e conseguiu transformar esses sonhos em realidade. Agradecemos também ao Presidente da ALE-AM, nobre Deputado Estadual Ricardo Nicolau e ao Governador Omar Aziz, pela sensibilidade que tiveram e pelo desejo de se fazer justiça aos Koutakuseis.    

Esperamos que toda a grande família dos Koutakuseis compareça em massa, no dia 25 de outubro, as 10:00 horas,  na  Sessão Especial da ALE-AM, para prestigiar esse momento tão esperado pelos nossos pais. Esse dia será denominado “KIZUNA NO HI” (o dia do laço) termo japonês de larga abrangência.

KIZUNA é uma palavra japonesa que representa o “laço”. O laço é formado por duas partes entrelaçadas entre si formando um todo. Pode simbolizar duas entidades que são independentes e ao mesmo tempo estão juntas, unidas, se apoiando mutuamamente, trabalhando em conjunto pelo desenvolvimento, pela justiça, pela paz, pelo reconhecimento, pela solidariedade, enfim, por um mundo melhor e mais fraternos. A junção das duas partes que formam o laço tem presente também o símbolo do infinito que pode representar o relacionamento duradouro dessas instituições.

Neste caso específico o laço representa dois povos, japoneses e brasileiros, koutakuseis e amazonenses, que juntos trabalharam para desenvolver a economia do estado. Os koutakuseis aclimataram a juta indiana no Amazonas. Os koutakuseis e ribeirinhos produziram em escala suficiente e tornaram o Brasil autossuficiente, economizando muitas divisas para o país. Representa também o entrelaçamento das duas culturas, das duas culinárias e das duas raças. O dia do laço será um dia de reconhecimento. Os koutakuseis com seu trabalho, esforço, pesquisa, persistência e sacrifício, conseguiram  aclimatar a juta indiana, mas isso só foi possível pelo solo e clima propício do Amazonas e a oportunidade dada a eles pelo governo do Estado.           

   

Lembramos ainda que as 8:00 hs do dia 25 de outubro, haverá a missa na Igreja N.Sra. de Nazaré, em Ação de Graças pelos 80 Anos dos Koutakuseis no Amazonas e em Memória dos Falecidos, que será celebrada pelo Arcebispo de Manaus, Dom Luis Soares Vieira. Vamos todos agradecer a Deus também pela graça de termos conseguido esses reconhecimentos pelo Estado.

 

Lembramos também, que a noite as 19:30 horas no auditório do NIPPAKU vamos realizar a nossa Cerimônia Oficial dos 80 Anos dos Koutakuseis no Amazonas. Vamos todos agradecer e homenagear essas pessoas que nos permitiram cumprir essa missão e a todos os Koutakuseis e esposas remanescentes do projeto pelo trabalho, pelo sacrifício e pelas privações que passaram e conseguiram transformar o projeto num grande sucesso. Após a cerimônia vamos, nós descendentes, oferecer um jantar de confraternização e comemorar este momento tão especial com muita alegria, com apresentação cultural japonesa e regional. Para que possamos contratar a quantidade correta junto ao Buffet, é preciso que os descendentes e simpatizantes nos contatem respondendo este e-mail ou independentemente pelo e-mail da Associação amazonkoutakukai@yahoo.com.br ou ainda contatem  com a Sub-comissão Cerimônia ((92)3236-8026/(092)9989-2394 (Sra. Socorro)/(92)3233-3346 (Sra. Handa)) até o dia 13 de outubro. O custo de cada participante, descendente ou simpatizante, é de R$ 50,00 e poderá ser pago no dia do evento na entrada do auditório.  Gostaríamos de contar com um grande número de pessoas para juntos celebrarmos esse momento tão importante para todos nós.

SDS

Valdir Sato

Presidente da Amazon Koutakukai



 
 
 
Associação Amazon Koutakukai

Rua Terezina, 95 - Sala 5, - Bairro Adrianópolis- CEP: 69057-070 - Manaus/AM
Produzido por: Wilson Dias da Rocha Neto